• Santa Misa con ocasión de la XXXI Jornada Mundial de la Juventud

Missa do Papa em Chiapas: liturgia em línguas locais

2016-01-07 Rádio Vaticana

Chiapas (RV) – O Evangelho, a oração dos fiéis e o Pai Nosso da missa que o Papa presidirá em San Cristobal de las Casas, no México, serão pronunciados nas principais línguas da região. Foi o que adiantou o bispo local, Dom Felipe Arizmendi Esquivel, em coletiva aos jornalistas. No dia 15 de fevereiro, o Papa visitará a região e celebrará a Santa Missa na sede do Centro Municipal de Esportes da segunda cidade mais importante do estado de Chiapas.

O Papa seguirá o missal comum das regiões indígenas

A primeira leitura será na língua ch'ol, o salmo em tzoltsil e o Evangelho em tzeltal, enquanto a oração dos fiéis será feita por representantes indígenas, que em prece comunitária, usarão suas línguas e culturas para “dirigir-se a Deus com as palavras que cada um terá no coração”. Na parte central da Missa, participarão os dois bispos da diocese: Dom Arizmendi, que falará em tzoltsil e Dom Enrique Dìaz, que usará a língua tzeltal. Já o Pai Nosso será entoado em tzotsil. Após a comunhão, está prevista uma dança ritual de ação de graças e louvor. E o canto de boas-vindas será interpretado pelo Coral de Acteal, integrado por índios da região tzotsil enquanto os cantos Kyrie eleison, Sanctus e Agnus dei serão executados em tzeltal pelo grupo “Mariachi Monumental”, formado por cerca de 400 músicos e cantores.

Francisco vai cumprimentar nas línguas usadas em Chiapas

Dom Arizmendi antecipou ainda que o Santo Padre deverá falar nas duas línguas mais comuns na região e em nàhualt, idioma muito usado nas regiões centrais, de onde virá um grande grupo. Segundo o bispo de San Cristobal de las Casas, a celebração religiosa, com estas características, já foi aprovada pela Santa Sé e o missal será traduzido em espanhol, para que todos possam participar da liturgia. “Não são coisas novas ou inventadas para mostrar ao Papa, e sim ritos comuns, que já existem nesta região”, especificou o bispo, descrevendo a celebração. “Não será um evento folclórico”, reafirmou o bispo Arizmendi no encerramento da coletiva.

O programa do Papa em Chiapas

O programa oficial prevê a chegada do Papa a San Cristóbal de Las Casas de manhã, para a Santa Missa com as comunidades indígenas de Chiapas no Centro esportivo. Depois do almoço com representantes indígenas e com a delegação papal, fará uma visita à Catedral de San Cristóbal. No estádio “Víctor Manuel Reyna” de Tuxtla Gutiérrez , capital da região, está agendado um encontro com as famílias. À noite, Francisco retorna à Cidade do México. 

(CM)

(from Vatican Radio)