C9: Inicia reforma dos Tribunais. Novidades nos media do Vaticano

2017-02-16 Rádio Vaticana

Primeira reunião deste ano do Conselho dos Nove Cardeais, instituído pelo Papa em setembro de 2013, com finalidade de ajudá-lo no governo da Igreja e no projecto de reforma da Cúria Romana.

A vice-directora da Sala de Imprensa, Paloma García Ovejero, apresentou aos jornalistas os resultados deste XVIII encontro do Pontífice com os colaboradores escolhidos para reformar a Cúria Romana.

O Pontífice participou dos três dias de reuniões, pela manhã e à tarde, ausentando-se somente parte da manhã de segunda (devido à visita ad Limina dos Bispos da Costa Rica) e a manhã de quarta (para a Audiência Geral).

No início dos encontros, o coordenador do grupo, Card. Oscar Andrés Rodríguez Maradiaga, agradeceu ao Papa pelo seu discurso natalino à Cúria e expressou o pleno apoio dos Cardeais à obra e ao magistério do Papa – uma referência aos ataques sofridos por Francisco por meio de cartazes espalhados pela cidade de Roma.

Quanto à reforma, o C9 deu prosseguimento à análise dos dicastérios, em especial da Congregação para a Evangelização dos Povos (Propaganda Fide); a Congregação para as Igrejas Orientais; e o Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso.

Os Cardeais começaram a examinar a “Diaconia da Justiça” e, portanto, um tempo consistente foi dedicado aos Tribunais: Penitenciaria Apostólica, Supremo Tribunal da Signatura Apostólica e o Tribunal da Rota Romana.

O Conselho também analisou o processo para a selecção de candidatos ao Episcopado.

Por sua vez, o Card. George Pell falou do seu trabalho à frente da Secretaria para a Economia para aplicar plenamente a reforma económica solicitada pelo Santo Padre, com especial atenção à actividade de formação dos funcionários e aos recursos humanos.

Já o Prefeito da Secretaria para a Comunicação, Mons. Dario Edoardo Viganò, apresentou a situação actual da reforma dos media da Santa Sé, isto é, a incorporação da Rádio Vaticano e do Centro Televisivo Vaticano no novo Dicastério. Para acompanhar esta nova fase da reforma, começaram contactos com a Secretaria de Estado, a Secretaria para a Economia, a Apsa (Associação do Património da Sé Apostólica) e o Departamento do Trabalho. Além disso, foi apresentado o plano para reestruturar as frequências de rádio e as novas estratégias para as redes sociais. Por fim, reflectiu-se sobre o projecto para iniciar a reforma da Livraria Editora Vaticana.

A próxima reunião do C9 será realizada nos dias 24, 25 e 26 de abril.

(from Vatican Radio)